25.10.10

Intocável





Mais uma vez vai soar estranho e vou ter que pedir desculpas no final por essa incontida sinceridade. Mas você há de concordar comigo que mocinhas de jeans e havaianas não fazem por merecer andar de mãos dadas com geniozinhos de gravata e paletó. Essa minha casualidade e falta de trato não combinam em nada com os palácios que você veio construindo ao longo do tempo.
São tantas salas vazias, que a minha pequena estatura não conseguiria preenchê-las. Vai contra o senso de estética. Ficaria totalmente desproporcional.
Também não sei fazer par romântico com os personagens que você inventa, aliás, que você copia. Eles já existem há muito tempo e já habitaram os meus e tantos outros sonhos infantis.
Não há um novo roteiro e, pelo que percebi, a próxima estréia foi, mais vez, cancelada. O meu lado egocêntrico não permite que eu faça cena em um filme onde não seja o personagem principal. Pelo menos, na minha própria vida, não me permito ser coadjuvante e nem assumo a autoria de roteiros inconsistentes.  
Já que a sinceridade está em pauta, devo confessar também que acho estranho você afirmar que se sente completo e com a sensação de dever cumprido. Que morte já pode chegar. E tantos outros blá, blá, blá. E logo em seguida sair correndo para poder dar conta dos seus 47 empregos e meio. Se é para esperar a morte, que seja, pelo menos, com um amor bem lindo ao lado, de pernas para o ar e na praia. Nenhuma pessoa realizada tem tanta ânsia por realização.
Consegui, em tempo recorde, desvendar todos os teus segredos não confidenciados e suas estratégias de jogo. Pela primeira vez na vida, preferia ter ficado na vontade. Com a ilusão causada pelo seu discurso ensaiado.
Enquanto você continua sentadinho na última prateleira da estante, o Sol grita o meu nome, pois existe toda uma realidade para ser vivida. Enquanto profere suas palavras falhas, a vida pede mais ação. Entre sonhos confusos e distantes e a dura realidade, eu fico com a última. Com esta já aprendi a lidar.
O fascínio pelo intocável sempre passou bem rápido, dessa vez não seria diferente. 

26 comentários:

  1. Eu tb prefiro a dura realidade, sempre....
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. realidade seeempre +1
    lindo blog ;*

    ResponderExcluir
  3. é, a correria, o trabalho, emprego ...
    tudo isso afasta um amor. =/
    a realidade é dura.
    mas é melhor que viver uma mentira!

    ResponderExcluir
  4. Que saudade eu estava daqui, das belas, filosóficas e verdadeiras palavras. Muito lúcido seu texto, gostei! Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Se tem uma coisa que sempre me estranha é alguém pedir desculpas para ser sincero. Deveria ser o contrário, não? Desculpas por não ser sincero.

    um beijo pra você!

    ResponderExcluir
  6. Não se deve pedir desculpas por ser sincera, Talita. A realidade é dura, é difícil, mas é bem melhor que tentar viver "nas nuvens" e depois, quando finalmente acordar... parecer tarde pra viver a vida como ela realmente merece ser vivida.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. A perfeição sempre se torna chata... com os homens não seria diferente né?
    Identifiquei-me com as suas palavras!
    beijos.

    ResponderExcluir
  8. Sempre preferi a realidade.
    Belas palavras, garota!
    :3

    ResponderExcluir
  9. Nossa, isso me trouxe tantas reflexões... De fato, as vezes somos pegos pelo conto do vigário, nos vendem fantasias coloridas em meio a sentimentos sem cor alguma... Parece que a fantasia, os sonhos para alguns são o bastante, a ponto até de deixarem de lado a realidade que é o que de fato definem quem somos... Adorei mocinha, meu prazer em visita-la.. Felipe Milianos (Mili)

    ResponderExcluir
  10. Confesso que gostei muito desse seu texto.
    'Enquanto você continua sentadinho na última prateleira da estante, o Sol grita o meu nome, pois existe toda uma realidade para ser vivida.'

    Isso é fantástico, gostaria de ter escrito.
    Me arrependi de ter demorado a voltar aqui.

    Visito de maneira menos esporádica agora, prometo.

    ResponderExcluir
  11. Ensaios, tudo programado, isso está bem longe de ser chamado de vida. Realmente o fascínio pelo intocável passa e pela maioria das vezes bem rápido!
    Esses que não dão espaço pro amor na vida, a terminarão com gostinho de algo faltando, com uma vida incompleta afinal!
    Beeijo ;*

    ResponderExcluir
  12. Senti muita firmeza, Talita! Se me permite dizer, a cada vez que a leio, passo a admirá-la mais pelas suas qualidades de caráter. Já viu aquela declamação da Bethânia? Vou fazê-la aqui em sua homenagem:

    "Eu quero quer sempre aquilo com quem eu simpatizo,
    e eu torno-me sempre, mais cedo ou mais tarde aquilo com quem eu simpatizo.
    E eu simpatizo com tudo.
    São-me simpáticos os homens superiores porque são superiores,
    e são-me simpáticos os homens inferiores porque são superiores tanto,
    porque ser inferior é diferente de ser superior,
    e isso é uma superioridade a certos momentos de visão.
    Eu simpatizo com alguns homens pelas suas qualidades de caráter
    com outros eu simpatizo pela falta dessas mesmas qualidades
    e com outros ainda eu simpatizo por simpatizar com eles
    porque eu sou rei, absoluto na minha simpatia
    basta que ela exista para que eu tenha razão de ser!"

    Abraço grande. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  13. "Enquanto profere suas palavras falhas, a vida pede mais ação".

    Amei isso!
    Já fazia um tempo que não vinha aqui, mas seus textos são sempre muito bons.
    Estou seguindo! =)

    ResponderExcluir
  14. adorei esse texto, bem escrito com um ritmo adorável.beijos

    ResponderExcluir
  15. Esse é meu novo endereço:
    http://a-veelhanovidade.blogspot.com/
    beijos.

    ResponderExcluir
  16. vamos nos virar pra realidade, as vezes ela é complicada mas ela esta sempre a nossa frente !
    beijos

    ResponderExcluir
  17. gosto muito do teu blog e dos teus post's também, vou-te seguir, se me quiseres seguir estás à vontade :$

    ResponderExcluir
  18. Perfect... I love this post... Sigo-te NOW...

    BjXX

    [Confissões Insanas]
    hubnerbraz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Sinceridade demais machuca, mas antes machucar com sinceridades do que com mentiras.
    E sobre a realidade, ela é complicada, mas ninguém pode viver de sonhos.
    Beijos (:

    ResponderExcluir
  20. Descobrir é sempre mais gostoso!
    Me encontrei por inteira aí...
    beeeijoos

    ResponderExcluir
  21. Oi, Talita? Tá tudo bem? Tá fazendo falta por aqui. Abração. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  22. Nossa muito bom! Indicação do milianos só podia ser boa. =) abçs

    ResponderExcluir
  23. Tem um selinho pra ti no meu blog. *-*
    Espero que goste!
    beeijo!

    ResponderExcluir
  24. Passando só pra me apresentar. Oi, sou o alterego da Talita. Muito prazer! (piada interna)

    ResponderExcluir

Fale agora ou cale-se para sempre.