20.5.10

Felicidade não custa caro


"Depois de cada momento de fraqueza,
meu coração prepara, em silêncio,
uma nova fornada de coragem."
(Ana Jácomo)
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Dessa vez eu falo e você escuta.
Eu tinha deixado o passado de lado e, até onde sei, não tinha dado nenhum motivo para você me odiar. Fiz justamente o contrário: dei todo o meu amor e tudo o que havia de melhor em mim. Mas você não deu muita atenção, estava ocupado demais com a sua nova vida para me notar.O seu quarto frio e escuro era sempre uma melhor opção. E foi assim por longos e sofridos dias.
Uma certa manhã, decido respeitar suas escolhas, fazer a vontade do destino e, finalmente, voltar para o meu próprio mundo, reconstruir o que existia antes de lhe conhecer.
Para descomplicar ainda mais a sua situação, baixei a guarda, abri o caminho, deixando todas as minhas amizades, que você sempre sonhou em destruir, embrulhadas com papel de presente na porta do seu novo lar.
Respirei fundo, engoli o choro, ergui a cabeça e voltei a sorrir, sentir e tocar tudo e todos que sempre me fizeram tanto bem. Deus tirou as pedras do caminho e tudo ocupava seu devido lugar. Meus pensamentos já eram livres e leves, e meu meio-sorriso amarelo conseguiu transformar-se em um arco-íris imenso.
É claro que isso não iria ficar barato. Alguém em algum momento viria cobrar. Porém, a fatura chegou antes da data prevista.
Você ressurge das cinzas dando uma de cobrador, tentando levar consigo o valor da minha alegria com juros e correção. Em pouco tempo consegue criar o romance perfeito com a namorada perfeita, membro do Clube das Namoradas Perfeitas e seguidora fiel de todas aquelas regras e fórmulas do clubinho. Até aí, tudo bem. Só que para minha infelicidade, a PERFEIÇÃO não é o bastante para você. Ela tem que ser comprovada. Todos têm que ver e aprovar o seu material que, para ser suficientemente bom, tem que ser comparado com algo bastante ruim. É nesse exato momento que ganho o papel de bandido da história.
Ela é moça de família, direita e decente. Eu sou louca, perdida e decadente. Ela é linda, loira e merecia ser capa de revista. Eu sou feia, fora do padrão e totalmente mal vista. Ela apareceu na hora certa e foi sua salvação. Eu fui fruto do seu impulso e distração.Ela tem todas as qualidades do mundo. E eu, uma coleção infinita de defeitos. Ela é a mulher dos seus sonhos. Eu... Bem, a essa altura e diante de todas essas virtudes citadas, eu nem deveria estar mais aqui, quer dizer, aí. Mas estou e desconfio que sempre estarei.
Porque você sabe que, mesmo não querendo admitir, eu deixei um vazio imenso que não será preenchido com um romance ensaiado, frases bonitas e fotos românticas. Sabe que mesmo morrendo de medo da minha loucura, intensidade e sinceridade, precisa delas para sobreviver e por isso vai querê-las sempre por perto, nem que tenha que pegá-las, escondido, nas suas lembranças e levá-las para seus sonhos para poder, enfim, dormir em paz. 
Além de tudo, sabe que a gente se amava de um jeito próprio, único, que conseguia ser maior que pele, tato, cheiro, olfato... Uma espécie de magnetismo intenso e estranho. Era algo só nosso e isso bastava. Não havia necessidade de provar nada a ninguém, de definir relacionamento, pois o que realmente importava era o nosso sentimento.
Você não só sabe como também sente que isso não pode ser encontrado em qualquer esquina, nem vivido com qualquer pessoa, por melhor que ela seja.
Quer saber mais? O meu bom-humor balançou, porém não caiu. Estou contente em saber que, mesmo sendo alvo das piores críticas e tendo tudo para ser um desastre de bilheteria, continuo sendo o filme mais assistido.
Se quer mesmo comparação vou te dizer uma, apenas uma: a beleza da maioria das menininhas que você conhece e vai conhecer não é à prova d’água. Já a minha, após cada tempestade, renasce mais forte e bela dentro de mim. Tive tempo suficiente para descobrir que não preciso de outros lábios, outros olhares, outros sorrisos... Consegui inventar o meu próprio jeito para esquecer (a pessoa que você conseguiu se transformar). E para sua surpresa, o meu método, ao contrário do seu, surte efeito positivo.
Ficarei, aqui, de cara lavada e agora, mais do que nunca, preparada para o que der e vier.
Quanto a você, pode continuar com seu joguinho. Eu não ligo. Começo a achar que você merece continuar nesse lixo fantasiado de luxo, fingindo que é feliz. Só espero que não venha mais cobrar nada além do que realmente devo. E que um dia perceba que Felicidade não custa caro. Ela simplesmente não tem preço.

10 comentários:

  1. " Tive tempo suficiente para descobrir que não preciso de outros lábios, outros olhares, outros sorrisos... Consegui inventar o meu próprio jeito para esquecer (a pessoa que você conseguiu se transformar). E para sua surpresa, o meu método, ao contrário do seu, parece funcionar."
    Me indentifiquei tanto com esse trecho.
    Tem selo para você no meu blog linda.
    beijos.

    ResponderExcluir
  2. Esta "carta" transmite um insegurança ressentida. Um despedir-se sem querer ir embora, uma mágoa que o tempo parece que não vai apagar. Acho que olvidar seria o melhor remédio, "cada qual no seu caminho no seu eu cada qual, cruzando altiplanos centrais em veloz montarias..." Abraço grande. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  3. nossa, um soco na boca do estomago.

    tô sem palavras...

    e digo de novo, tout passe, Vai passar.

    respira fundo, ergue a cabeça e continue pela estrada de tijolos amarelos.

    Um bjo!

    ResponderExcluir
  4. O digníssimo Marcelo Camelo tem razão ao dizer "tudo passa".
    e quase ao mesmo que voce, ja passei, ja vivi, ja passou.

    Você tambem escreve muito bem.
    :)

    Beijo.

    ResponderExcluir
  5. estarei torcendo por você, pra que a sua fênix volte e te faça sempre a menina que você merece.

    ResponderExcluir
  6. chegou de sola, hein Menina...

    fique bem.

    um beijo

    ResponderExcluir
  7. Perfeito!!!

    beiijo,
    saudade daqui *O*

    ResponderExcluir
  8. Mais uma vez Parabéns pelo excelente texto... Muito bom mesmo!!! Você tem muito talento... :****
    Saudades. *-*

    ResponderExcluir

Fale agora ou cale-se para sempre.